PEDALAR PERDE BARRIGA?

PEDALAR PERDE BARRIGA?

30 de abril de 2022 0 Por Flavio Menezes

Se você está procurando uma maneira de se exercitar e, ao mesmo tempo, perder peso, temos algo a lhe dizer. A bicicleta pode ser uma grande aliada na hora de entrar em forma. Mas, sempre paira aquela dúvida no ar: pedalar perde barriga? 

Todo mundo sabe que as gordurinhas da região abdominal são as mais difíceis de eliminar, porém a resposta é uma só: pedalar perde barriga, sim! Além de ser super divertida e libertadora, a voltinha de bike é muito benéfica para o seu corpo. 

Neste artigo veremos todas as vantagens de praticar ciclismo com o intuito de perder uns quilinhos e melhorar a saúde. Ademais, vamos apresentar os principais exercícios para você alcançar bem rápido o seu objetivo. 

BENEFÍCIOS DO CICLISMO: PEDALAR PERDE BARRIGA! 

Alguns estudos apontam que após duas semanas de treinamento ciclístico, é possível sim que o ciclista inicie um processo mais intenso de queima de gordura. Para isso, é preciso dedicação. O treino deve ser realizado pelo menos entre três e quatro vezes por semana. 

Somente com constância é que será possível ver os primeiros efeitos e a diminuição da circunferência. É claro que, uma boa alimentação, auxilia nos resultados. Até porque, não adianta ter o pensamento de que pedala perde barriga e continuar comendo sem moderação. Tudo é uma questão de equilíbrio. 

A primeira vista pode parecer que apenas a região dos membros inferiores estão sendo trabalhados. Ledo engano! Enquanto pedalamos o abdome se contrai continuamente, mantendo a nossa posição no selim e ajudando a equilibrar a contração muscular. 

média de gasto calórico, dependendo do nível de condicionamento do ciclista e a intensidade do exercício pode chegar até 1.100 calorias. Por conta disso, a prática de treino com bicicleta é capaz sim de deixar a barriga do ciclista mais definida e tonificada. Além de tudo, andar de bicicleta: 

  • Ajuda a emagrecer;
  • Reduz o colesterol;
  • Previne e controla doenças crônicas;
  • Controla a pressão arterial;
  • Intensifica a sensação de bem-estar;
  • Tonifica os músculos;
  • Melhora a coordenação motora;
  • Aumenta o fôlego;
  • Proporciona um maior relaxamento. 

QUAL BIKE UTILIZAR PARA PERDER PESO? 

Por fim, vamos analisar qual tipo de bicicleta é melhor para quem quer pedalar para perder barriga. Existem de fato as bicicletas ergométricas que podem ser utilizadas dentro de casa e academia, mas não estamos falando delas.

Nosso foco são as bikes para serem utilizadas na rua. Para quem é ciclista iniciante, o ideal é começar com uma bike urbana ou uma Mountain Bike. Versáteis, elas podem ser utilizadas facilmente em áreas urbanas e em parques, para a prática de exercícios e deslocamentos diários

As bikes speed são muito técnicas e não são recomendadas para iniciantes que estejam buscando apenas uma maneira de se exercitar. 

VANTAGEMS DA BICICLETA: CORPO E MENTE

Andar de bicicleta não é apenas bom para o corpo. O ciclismo ajuda a tonificar diversas regiões, porém oferece também um efeito positivo na saúde mental por meio da liberação de endorfinas. Quem pedala consegue ter imediatamente após o término do exercício, a sensação de leveza. Relaxados e cheios de energias, acabamos nos focando melhor no processo de emagrecimento

Com a prática esportiva diminuímos os níveis de ansiedade, que geralmente fica mais evidente na hora da alimentação. Quando estamos agitados, acabamos comendo além do necessário e sem o controle de escolher uma refeição mais balanceada. Pedalar perde barriga, mas não faz milagre. Precisamos fazer a nossa parte!

BIKE: IDEAL PARA QUEM ESTÁ ACIMA DO PESO 

Muita gente não sabe, mas o ciclismo é um esporte muito recomendado para quem está fora de forma. Isso acontece, pois com ele não existe pressão nos membros inferiores. Ao contrário de outras modalidades como corrida, a bike não traz riscos para as articulações.  

PEDALAR PERDE BARRIGA: EXERCÍCIOS DIRECIONADOS

Para quem quer perder peso, é sempre recomendado criar um programa de treinamento com exercícios direcionados para serem realizados na bicicleta. Se você for sedentário, para não correr riscos desnecessários, consulte um médico antes de iniciar a prática. 

Com a definição de tempo, frequência e a avaliação médica positiva, o único jeito é começar. Nas primeiras semanas evite sobrecarregar os joelhos e tente dar um descanso para o corpo. Concedendo o tempo necessário para recuperação das dores pós-treino, você tem tudo para alcançar a sua meta. 

TREINO LIVRE CONTROLAMDO O BATIMENTO CARDÍACO

Pode ser uma opção estabelecer o objetivo de perder peso abdominal e seguir fazendo um treino livre. Intercalando de vez em quando com alguns outros exercícios, o ideal é sempre ficar de olho nas reações do corpo. 

Geralmente, a frequência cardíaca para a queima de gordura durante o ciclismo deve permanecer entre 60% e 70% do valor máximo. 

REGRA 80/20 

A base do exercício 80/20, nada mais é do que o treino intervalado de alta intensidade. Neles, o ciclista aumenta o seu condicionamento físico ao intercalar momentos de baixa intensidade e máxima intensidade. 

O resultado é uma aceleração da frequência cardíaca que aumenta a queima de gordura no organismo. No pedal, o objetivo é permanecer 80% do tempo pedalando sem grande intensidade. Os outros 20% do tempo, o recomendado é fazer o exercício no ritmo mais forte possível. 

Seguindo essa frequência regularmente de treino, os resultados de perda de gordura se intensificam. E não apenas isso, o próprio condicionamento físico melhora com a prática. 

MTB DURO

Os treinos intensos com mountain bike requerem o uso do sistema de marchas para ativar os níveis de esforço. Faça sempre um aquecimento prévio e vá alternando em momentos acelerados, seguidos de descanso. Inclua com o passar do tempo terrenos íngremes como ladeiras, onde é possível variar a velocidade, a cadência e o ritmo. Viu só, como pedalar perde barriga?

Mas, antes de iniciar as atividades, escolha bem o local onde irá realizar o seu treino. Para exercícios de queima de gordura é importante ter uma variação de ritmo. Pedalando pelas ruas, nem sempre é possível manter a cadência. Por isso, prefira locais tranquilos, em que você possa ter o domínio total do pedal.