Vuelta a España: Fabio Jakobsen wins a 4ª etapa

Vuelta a España: Fabio Jakobsen wins a 4ª etapa

18 de agosto de 2021 0 Por Flavio Menezes

Fabio Jackobsen (Deceuninck-QuickStep) foto Getty Images Sport

 

Fabio Jakobsen, da Deceuninck-QuickStep, venceu o sprint final em Molina de Aragon na 4ª etapa da Vuelta a España, em uma distância máxima à frente de Arnaud Démare (Groupama-FDJ), que terminaria em segundo, e Magnus Cort (EF Education -Nippo), que ficou em terceiro.

Foi a primeira vitória do holandês no Grand Tour desde 2019, quando venceu duas etapas na Vuelta, depois de passar grande parte do ano passado se recuperando de um acidente sofrido no Tour de Pologne 2020.

O camisa vermelha Rein Taaramäe (Intermarché-Wanty-Gobert Matériaux) caiu a 2km do final, mas levantou-se rapidamente e ultrapassou a linha de chegada com o companheiro de equipa Kevin Van Melsen e teve o seu tempo igual ao do grupo da frente para manter a liderança do GC. Não houve mudanças nas classificações, Kenny Elissonde (Trek-Segafredo) 25 segundos atrás no segundo lugar geral e Primož Roglič (Jumbo-Visma) 30 segundos atrás em terceiro.

O terreno plano e as estradas grandes e largas no estágio 4 cobriram 163,9 km de El Burgo de Osma a Molina de Aragon. O vento se manteve moderado, de modo que nenhum escalão importante se formou. Do quilômetro de abertura em El Burgo de Osma sob a sombra da Catedral de Santa María de la Asunción, três pilotos escaparam – Carlos Canal e Angel Madrazo (Burgos-BH) com Joan Bou (Euskaltel-Euskadi) e abriram um 30′- segunda lacuna imediatamente.

O pelotão seguia por 1:20 com 44km para o final, todas as equipes de velocistas – Groupama, Bora, BikeExchange e Deceuninck-QuickStep – trabalhando na frente. O trio ficou na frente até 13,5 km para o fim, quando Alpecin-Fenix ​​e Groupama-FDJ aumentaram o ritmo e o trio foi varrido após 150 km na frente. Isso preparou o terreno para os verdadeiros velocistas e a vitória de retorno de Jakobsen.

Quarta-feira terá mais um dia plano, estágio 5 cobrindo 184,4 km entre Tarancón e Albacete.

 

RESULTADO DA 4ª ETAPA